Who’s Speaking

Bem vindos ao Purple Kitchen!

Há 3 meses atrás eu era a Paula empresária e estilista, noiva e super ansiosa com o casamento. Morava sozinha e odiava cozinhar. Vivia de Mc Donalds e brigadeiro, levava minhas roupas para minha mãe lavar, e nunca, eu disse NUNCA arrumava a cama pela manhã. Até que aconteceu comigo uma coisa chamada casamento! E “plim”, eu descobri uma nova pessoa dentro de mim. Ninguém botava muita fé que eu iria um dia cozinhar e tomar conta da casa. Inclusive minha mãe e minha sogra. Ela deveria ficar super aflita de pensar que o filhinho iria morar com uma mulher totalmente “anti-amélia”. Sempre pensei que eu poderia administrar alguém para que fizesse essas coisas, afinal, empresária tem que saber administrar, certo?

Mas para a minha surpresa, e de todos em minha volta, eu comecei a cuidar da casa. A fazer a cama de manhã, a lavar minhas próprias roupas e o que ninguém esperava: COZINHAR.

Tem gente que fala que essa vontade veio porque não tinha quem cozinhasse pra mim, outros porque era para agradar o marido, mas a verdade e a única explicação que encontrei foi da minha cunhada Tati: a nova cozinha lilás.

2013-05-06 10.09.55

Sim!! Depois de bater MUITO o pé, o marido deixou eu pintar a cozinha da casa nova de lilás. E quando eu conto, ninguém acredita que a minha cozinha é literalmente lilás. Não inteira, mas a parede principal é lilás. A cozinha não é digna de cozinheiro, quase não tem espaço na pia, e fica bem complicada a movimentação quando tem mais de duas pessoas (principalmente com a porta da geladeira aberta). Mas não me importo. Virou o xodó da casa, (depois do closet, claro) e sempre que entro na cozinha dá vontade de testar uma receita nova.

Quero compartilhar com vocês um pouco dessas receitas, do meu dia-a-dia, e do meu jeito também, porque além de recém cozinheira, continuo apaixonada por moda e tudo que a envolve!

Espero que gostem ❤

Love,

Paula